Affair de Bolt no Brasil foi casada com chefe do tráfico no Rio

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

A carioca Jady Duarte, que teve fotos íntimas com Usain Bolt divulgadas na internet, já foi pauta policial dos jornais do Rio de Janeiro. De acordo com o jornal Extra, ela foi casada e é mãe de dois filhos de Douglas Donato Pereira, o Diná Terror, ex-chefe do tráfico no Morro Faz Quem Quer. Ele foi morto em março deste ano.

Segundo a publicação, Diná era acusado da morte da jovem Rayssa Christine Machado de Carvalho Sarpi, de 18 anos. Ela foi filmada enquanto era torturada por traficantes do Faz Quem Quer, em setembro de 2014. O vídeo circulou em redes sociais. O criminoso também era procurado pelo homicídio de Raianne Dantas de Jesus, de 19 anos. Ela foi morta na Rua Tucupi, em Rocha Miranda, com mais de vinte tiros. Segundo as investigações, a jovem foi alvo de vingança de traficantes do Faz Quem Quer depois que seu namorado abandonou a comunidade levando armas e drogas para o Complexo da Maré, também na Zona Norte.

Ainda de acordo com o Extra, Jady tem dois perfis no Facebook. Num deles, ela aparece bem diferente da morena que levou o medalhista Bolt a nocaute. Quando Diná foi morto, Jady fez várias postagens lamentando sua ausência e recebendo o apoio dos amigos.

X

Pin It on Pinterest

X