Discussão forte entre Grace e Flora esquenta o “Hell’s Kitchen” deste sábado (29)

(Foto: Reprodução)
(Foto: Reprodução)

No nono episódio  do “Hell’s Kitchen – Cozinha Sob Pressão” deste sábado, 29 de outubro, a partir das 21h30 no SBT.

Depois de uma noite assombrada e mal dormida, os cozinheiros são acordados às 6h da manhã pela chef Dahoui, que já avisa que o dia não será fácil e anuncia, que pela primeira vez, o restaurante será aberto para almoço. Pra começar, os cozinheiros terão quarenta minutos para preparar um café da manhã especial para a convidada, a chef Papoula, padeira da Padoca do Maní, que também irá avaliar a prova. Ainda de pijama e sonolentos, os participantes se desdobram para atender todos os quesitos ditos pela chef, que inclui a escolha das louças, a composição dos pratos, a criatividade e o sabor. E o clima esquenta logo cedo entre Flora e Grace, que começam a discutir no meio da prova. ”Parece que toda assombração da madrugada toda estava naquela guria já cedo”, diz Grace, que perde a paciência com Flora e não mede as palavras para ofendê-la. “Essa menina me desequilibrou totalmente”, desabafa Grace.

Já no almoço, uma  surpresa na divisão de praças: as equipes definem a organização da outra cozinha, escolhendo quem fica no preparo de qual prato. E por ser um horário em que as pessoas têm menos tempo, a chef avisa que irá acelerar ainda mais o serviço.

Toda essa pressão deixa os cozinheiros desesperados e durante o preparo tem  massas grudadas e também servidas cruas, sem sal, o que faz a chef chamar a atenção: “Veja se pode mandar uma massa assim: dura, sem gosto… vexame”.

X

Pin It on Pinterest

X