Homens invadem reality de dança e protestam contra Ryan Lochte ao vivo

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Ryan Lochte ainda está sofrendo reflexos e boicotes em razão da sua passagem conturbada pelos Jogos Olímpicos Rio 2016. O atleta, que mentiu sobre um falso assalto em um posto de combustíveis, passou por um susto na noite desta segunda-feira (13) durante um programa de TV.

Após sua apresentação de foxtrote ao lado da dançarina Cheryl Burkede no reality show “Dancing With The Stars”, no canal ABC, dois homens invadiram o estúdio e iniciaram um protesto contra o atleta. Eles usavam uma camiseta com um símbolo de proibido em cima do sobrenome do atleta.

Assim que os manifestantes apareceram diante da câmera, os seguranças agiram rapidamente e os retiraram do palco. Mas quando foi chamado o comercial pelos apresentadores, mais quatro mulheres vestindo camiseta semelhante à dos rapazes seguiram com o protesto na plateia e gritavam o nome do atleta, chamando-o de mentiroso. As garotas logo também foram retiradas do estúdio, sob aplausos do restante do público.

Segundo informações da revista People, a dançarina chegou a chorar no palco enquanto Lochte estava visivelmente abalado diante do incidente. Quando o programa retornou do comercial, ele afirmou, chocado: “Muitos sentimentos passaram por minha cabeça”.

A atriz Jana Kramer, que também participa do programa, disse que Locthe seguiu para os bastidores bastante abalado. “Ele estava no backstage perto de chorar. Todo mundo comete erros e eu realmente espero que a América consiga ver esse rapaz como realmente o conhecemos. Ele realmente é um bom garoto”, defendeu a atriz. A polícia informou ao site Variety que os dois manifestantes foram detidos suspeitos de violação de propriedade.

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução
X

Pin It on Pinterest

X