“Mar de Amor”: saiba tudo sobre os capítulos de 12 a 16 de setembro

 

Segunda-feira, 12 de setembro
Quando Luciana e um comandante de polícia tratam Victor como assassino, o advogado do rapaz pede a ambos que não o façam, pois a culpa de Victor ainda não foi provada. Catalina continua tentando atrair Santos, mas ele resiste. Mercedes repete para Victor Manuel, perante Estrela, que o ama. Catalina volta a sentir uma intensa dor de cabeça e desmaia. Inês pensa em chamar um médico, mas Coral não permite. Cacilda não consegue parar de pensar que Guilhermo teve algo a ver com a morte de Hernan. Ela o questiona discretamente. Santos faz o mesmo, mas Guilhermo é evasivo nas respostas. É dada a ordem de levar Victor Manuel para o presídio. Victor e Estrela seguem jurando amor, mutuamente. Estrela teme que na cadeia possam matar Victor. Catalina se alegra com a desgraça de Victor Manuel e expressa seu desejo de que ele pague por seu crime, mesmo não sendo Victor o verdadeiro assassino.

Terça-feira, 13 de setembro
Victor Manuel está dividindo uma cela com Salvador. Estrela segue triste, e Coral a diz esperar que Victor seja condenado a pelo menos cinquenta anos, pois assim jamais terá tempo de viver com Estrela. Coral segue gritando aos quatro ventos que tem certeza que foi Victor quem matou Hernan. Inês, a enfermeira, quer o milhão de dólares de Coral para não entregá-la. Coral diz a Leon que eles precisam conseguir essa quantia com urgência. Os desmaios e dores de cabeça de Coral ficam cada vez mais frequentes, mas ela segue se negando a fazer um exame. O advogado segue defendendo Victor e Salvador, mas vê que tudo aponta para Victor como assassino de Hernan. Cacilda tem um pressentimento que foi Guilhermo quem matou Hernan. Obviamente, ele nega a acusação. Tilico sente falta de seu “pai”, mas Luz e Moharidas não revelam o verdadeiro motivo dele não estar mais ali. Estrela vê Mercedes indo visitar Victor. Triste, Estrela nem avisa a Victor que esteve lá para visitá-lo. Estrela decide ir a universidade e seguir focada nos estudos, para tentar se distrair.

Quarta-feira, 14 de setembro
Um presidiário muito perigoso ameaça Victor Manuel com uma navalha e exige que ele lhe dê seus sapatos. Como Victor se nega, acaba se tornando seu principal inimigo. Victor Manuel está triste porque Estrela não o visita. Ele chega a pensar que Mercedes acabará ganhando seu amor. Guilhermo se confessa e reza muito. Cacilda diz que ele tem se portado como se tivesse cometido algo muito grave, como um assassinato. Estrela vai ver Victor, mas o diretor do presídio não permite. Enquanto corre, Santos acaba se encontrando com Coral no parque. Ela não perde a oportunidade de novamente se insinuar e fazer com que Santos a beije. Helena joga na cara do sargento que ele está traindo sua irmã, e Oriana está humilhada e ferida. O advogado quer informar Estrela como vai o caso de Victor Manuel, mas ela, por despeito, se nega a escutá-lo. Ainda que diga estar saudável, Catalina marca uma consulta com Oswaldo, que manda que ela realize alguns exames. Os resultados chegam e Oswaldo confirma suas suspeitas.

Quinta-feira, 15 de setembro
Oswaldo conclui que Coral tem um tumor cerebral inoperável, e isso que vem causando as dores de cabeça e demais sintomas. Ao descobrir que tem menos de um ano de vida, Coral jura que até morrer, fará até o impossível destruir todos os seus inimigos. Coral só revela a Leon que está a ponto de morrer, e que no ano que lhe resta de vida deverá perder a fala, a visão e ficar paralisada. Em uma de suas visitas a Victor Manuel, Mercedes o diz que deseja se casar com ele. Estrela, por outro lado, foi visitá-lo apenas duas vezes, e em nenhuma delas pode vê-lo, pois já estava com Mercedes. Santos segue enfeitiçado por Coral, tanto que nem em sonhos consegue esquecê-la. Santos está como um farrapo humano, vivendo em uma vila suja e descuidada, só preocupado em ver Coral. Ele chega ao ponto de procurar Oriana para enforcá-la mas não consegue, pois Transito e Helena a auxiliam. Coral vai depor contra Victor, para que o mantenham preso. O advogado de Victor consegue que apressem os trâmites para o julgamento.

Sexta-feira, 16 de setembro
Cacilda está convencida de que Guilhermo matou Hernán, e de que deixará que condenem Victor Manuel por seu crime. Guilhermo ouve tudo e só se afasta de Cacilda, mas não se defende. Moharidas e Tilico vão comprar uma roupa para que Moharidas vá ao julgamento de Victor Manuel. Moharidas se distrai e Tilico se perde, porém é por apenas um instante, pois logo o garoto avista o avô e volta pra perto dele. Por fim, Estrela inaugura o hospital em Praia Escondida e promete a toda gente que logo terão uma escola e um restaurante. Oriana também informa que logo terão uma casa para anciãos. Leon e Coral estão fazendo planos e brindam a possível vitória que terão com a condenação de Victor Manuel. Simona flerta com Leon. Chega o dia do julgamento de Victor Manuel e todos que o amam estão apreensivos.

X

Pin It on Pinterest

X