Ministério Público instaura inquérito para investigar atrações religiosas na TV aberta

(Foto: Reprodução)
(Foto: Reprodução)

O Ministério Público resolveu agir contra a proliferação de atrações religiosas na TV aberta. O inquérito se deve pela denúncia de um cidadão. A partir de agora, Record, Band, RedeTV!, TV Gazeta e CNT estão no inquérito. Lembrando que trata-se de investigar o conteúdo religioso na programação das emissoras citadas, e nada mais.

O procurador da República Sérgio Suiama, do MP do Rio de Janeiro, está como o responsável pelo inquérito. Ele enviou questionários para as cinco emissoras e agora quer saber mais detalhes sobre as atrações religiosas que dominam os canais. A RedeTV! pediu mais tempo para colher todas as informações e a TV Gazeta de São Paulo ainda não encaminhou as informações. São informações da jornalista Patricia Kogut, do jornal “O Globo”.

A CNT foi excluída da investigação, pois o Ministério Público Federal de São Paulo tem uma ação do mesmo sentido em andamento desde 2014.

 

X

Pin It on Pinterest

X