Casal abandona filho de 2 anos para jogar Pokémon GO e é preso

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

O jogo “Pokémon GO” tem sido o assunto nas últimas semanas por ter se tornado uma febre nos lugares por onde passa. No entanto, entre os casos bizarros envolvendo o game, um deixou os moradores de Pinal, em Phoenix, no Arizona (EUA), revoltados.

Um casal deixou o filho de apenas 2 anos, sozinho, do lado de fora da casa, para sair para capturar os monstrinhos do game no domingo (31). “Eu acho horrível. Penso que os filhos devem vir antes de um videogame”, disse uma vizinha do casal à FOX.

Já era 22h30, quando a polícia foi acionada pelos vizinhos para prestar socorro ao menino que estava chorando em frente da casa. Vendo que a porta estava destrancada, os policiais entraram e começaram a revistar o local na esperança de encontrar algum sinal dos pais da criança.

Não demorou muito para que achassem o telefone de Brent, pai do menino, e o avisassem que a criança havia sido localizada sozinha. De acordo com informações da polícia local, Brent teria desligado o telefone sem falar nada e, ainda, demorou cerca de uma hora para retornar a casa com a esposa.

Ao prestar depoimento, o casal admitiu que estava rondando com o carro na vizinhança para capturar Pokémons, enquanto o filho havia ficado em casa.

O menino usava apenas fralda e uma camiseta quando foi encontrado. “Nossos agentes e muitas outras agências de segurança vem informando as pessoas sobre a segurança enquanto jogam este game interativo, mas nós nunca imaginamos que pais fossem abandonar os filhos para jogar ‘Pokémon Go’”, disse o xerife Paul Babeu.

O casal foi preso acusado de negligência e exposição da criança ao risco.

X

Pin It on Pinterest

X