Promotor deve decidir nesta semana se aceita denúncia de Luiza Brunet

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

O caso envolvendo a ex-modelo Luiza Brunet, que acusa o ex-marido, Lírio Parisotto, de agressão, deve ganhar um novo capítulo nesta semana. Segundo o advogado da atriz, Pedro Egberto da Fonseca Neto, o promotor deve decidir nos próximos dias se aceita ou não a denúncia que Luiza representou no Ministério Público.

“O promotor vai tomar a decisão com base nos exames que a Luiza fez e nos depoimentos. É difícil estimar quanto tempo o caso pode demorar, já que depende da velocidade da Justiça”, afirmou o advogado em conversa com o site Ego. Procurada, a assessoria de Luiza diz que ela não irá se pronunciar.

No último domingo (3), Lírio Parisotto divulgou um texto negando que tenha batido na atriz e aproveitou para relatar um episódio que, segundo ele, ocorreu durante uma briga que os dois tiveram numa viagem de barco, e que teria terminado com o empresário ferido e no hospital, levando dez pontos. “Cuidado com os prejulgamentos, ela é muito agressiva. Criatura hipócrita”, escreveu o empresário no post. Ele está proibido de chegar perto da atriz.

O gaúcho Lírio Parisotto aparece como um dos 600 homens mais ricos do mundo, com uma fortuna estimada em quase US$ 2,5 bilhões, ou mais de R$ 8 bilhões. O empresário atua em vários setores, como o de petroquímica e de mídia. E, recentemente, na venda do grupo RBS de Santa Catarina, afiliada da TV Globo, para um grupo de investidores, ele ficou com 25% do negócio. Ele é segundo suplente do senador Eduardo Braga, pelo PMDB do Amazonas.

 

X

Pin It on Pinterest

X