Exclusivo: Contrato de “Marcão do Povo” vai até 2019 e SBT estuda novo programa para as tardes

Diferentemente das notícias que circularam em 2017 na internet, o contrato de “Marcão do Povo” com o SBT vai até 2019. O apresentador da segunda parte do “Primeiro Impacto” (07h30 as 08h30), confirma a informação em primeira-mão ao BastidoresDaTV. Além da excelente dobradinha de audiência com Dudu Camargo nas manhãs, Marcão pode ganhar sua própria atração, a partir de março. O jornalista chegou a apresentar um projeto no ano passado, mas a emissora decidiu não mexer na grade. O novo formato deve passar por um planejamento maior, com gravações de pilotos, antes da sua possível aprovação.

Um dos programas que mais marcaram a primeira década do SBT, ainda no início da TVS, é a grande aposta de Silvio Santos para as tardes. Fontes ouvidas pela coluna, afirmam que embora a tentativa frustrada de exibir o “Primeiro Impacto”, das 12h as 15h, de improviso e sem estrutura, o Patrão planeja novas mudanças na faixa. A exibição do “Bom Dia & Cia” até as 15h, definitivamente está com os dias contados na emissora. O programa deve ter em breve seu tempo cortado em pelo menos uma hora. Para o próprio Comercial do SBT fica difícil a comercialização nesta faixa, onde um programa “matutino” acaba apenas no meio da tarde. Há quem defenda uma padronização do jornalismo local entre as 12h e 13h. No teste realizado com o “Primeiro Impacto”, a emissora só conseguiu se manter na vice neste horário. Em outras praças, como no Rio de Janeiro, o “SBT Rio”, de Isabele Benito, é vice-líder isolado na audiência. Já na faixa das 14h as 15h, o SBT dificilmente consegue a vice-liderança no Painel Nacional de Televisão (PNT), devido forte concorrência com o “Balanço Geral” (Record TV).

Sem trocadilhos: “Marcão do Povo” pode apresentar o novo “O Povo na TV” no SBT.

A grande aposta de Silvio Santos é a mistura de jornalismo, com prestação de serviços, utilidade pública, denúncias e a famosa “boca no trombone”, uma espécie de tribuna popular com a apresentação de Marcão e a interação ao vivo das principais praças. A nova versão de “O Povo na TV” não é confirmada pela assessoria de imprensa do SBT, no entanto, já é dada como certa nos bastidores da emissora. Pelo planejamento, ele entraria no ar as 13h45 para SP e em rede as 14h15 até as 15h, antecedendo o “Fofocalizando”. O objetivo é pegar a migração do “Jornal Hoje” e também parte da audiência do “Balanço Geral”, em seu bloco de maior destaque. O informativo popular, no início das tardes, atende um antigo desejo do SBT para São Paulo, uma vez que após o jornalismo da manhã, a emissora só retorna com um telejornal as 19h45, quando começa o “SBT Brasil”. A faixa também é a de menor impacto do SBT na atualidade, prejudicando um melhor desempenho dos programas que são exibidos na sequência.

Siga: JÚLIO CÉSAR FANTIN

Twitter: @jcfantin

Facebook: @eusouojulio

Instagram: @juliocesarfantin

Júlio César Fantin

Trabalhou em empresas de comunicação como SBT SC, Band SC e Regional FM. Criou o site Portal G e o portal Ouvintes. É colunista de TV desde 2012. Atua no BastidoresDaTV, desde janeiro de 2015. colunajuliofantin@gmail.com

Pin It on Pinterest