Vídeo com Carlinhos Aguiar mostra que o SBT só tem Silvio Santos na direção

O vídeo que começou a circular no Twitter e ganhou repercussão na manhã desta quarta-feira (15), mostra Silvio Santos chegando de carro no salão do seu amigo pessoal, Jassa, e Carlinhos Aguiar, demitido na última segunda (13), a espera para uma conversa.

Silvio sai do carro, cumprimenta Carlinhos e pergunta o que ele faz ali. Em seguida, ele dispensa o ex-funcionário e afirma que o assunto referente a sua demissão é com “eles” e que só pode ser resolvido com “eles”. Ora, quem são “eles”?

Desde a inauguração do SBT, na década de 80, o público e até nós, críticos de TV, acompanhamos os desdobramentos de todas as decisões das principais emissoras do país. Globo, que hoje tem Carlos Henrique Schroder como diretor-geral, a Record com Marcelo Silva, a RedeTV! com Elias Abrão e Franz Vacek, a Band com Diego Guebel e o SBT com Silvio Santos. Como, não tem diretoria no SBT?

Quando uma decisão importante precisa ser tomada, a alta cúpula de todas elas se reúnem, para que uma decisão seja tomada de acordo com o grupo que coordena a empresa. No SBT, quem vê uma decisão por lá sendo tomada deve imaginar o dono do canal, sozinho, na ponta da mesa de reuniões decidindo isso e aquilo. Pelo contrário, por lá também existe uma diretoria que toma decisões para manter a estrutura de pé.

Por que a ideia de que só Silvio Santos é quem manda no SBT? Porque ele, durante todos esses anos, mostrou que é isso que acontece.

O vídeo não demostra uma ignorância por parte de Silvio. Aquele lugar não é o melhor para tratar de tudo o que envolve a carreira de Carlinhos, em mais de 30 anos de SBT. Carlinhos Aguiar devia saber disso. Silvio deve estar irritado de alguém ser mandado embora da sua emissora e bater na sua porta em seguida. Mas, como tudo o que envolve as decisões do canal, com dedo dele ou não, foi o próprio quem procurou por isso.

Assista ao vídeo:

Pin It on Pinterest