Série “Terrores Urbanos” estreia no PlayPlus

A série Terrores Urbanos chega às telas do PlayPlus, plataforma de streaming do Grupo Record, dia 10 de outubro para assinantes do pacote de R$ 12,90. Ao todo são cinco episódios de 45 minutos inspirados nas histórias das lendas urbanas Loira do Banheiro, A Gangue dos Palhaços, Quadro do Menino que Chora, Boneco Amigão e Homem do Saco.

A série, uma coprodução RecordTV e Sentimental Filme, reuniu alguns dos principais nomes em direção do gênero da atualidade, que conquistaram reconhecimento no Brasil e no exterior. Fernando Coimbra, primeiro diretor brasileiro a dirigir um filme original para o Netflix, o “Sand Castle”, e um dos diretores da série “Narcos” (1ª e 3ª temporadas), assume a direção geral e a do primeiro e quinto episódios, que conta ainda com Felipe Adami e Juliana Rojas para direção dos demais. 

Quem estiver na BGS 2018 poderá conferir um pouco do mistério dos episódios de Terrores Urbanos no stand do PlayPlus. Distribuídas em 300m², cada uma das cinco salas temáticas receberá oito visitantes que terão 15 minutos para desvendar o enigma da lenda de sua preferência. 

O PlayPlus está disponível em https://www.playplus.com para smartphones dos sistemas operacionais iOS e Android. 

Assista ao trailer Terrores Urbanos nesse link https://www.facebook.com/SigaPlayPlus/videos/471109570066893/ 

Conheça as Lendas: 

Loira do Banheiro – Comum nos corredores das escolas, a lenda urbana se resume na existência de uma menina loira muito bonita que vivia matando aula dentro do banheiro da escola. Um certo dia, se acidentou e morreu dentro do banheiro que, desde então, se tornaram assombrados. A lenda diz que caso uma pessoa dê a descarga três vezes a loira do banheiro aparece. 

Elenco: Duda Balestero, Rafaela Mandelli, Renata Dutra, André Guerreiro Lopes, Maria do Carmo Soares, Daniela Segato, Tiffany Alvares, Matheus Fagundes, Cláudia Assunção, Thiago Pinheiro, Pedro Lopes, Vanessa Loren e Carolina Guerra. 

Direção: Fernando Coimbra 

  

A Gangue dos Palhaços – A história teria surgido ainda na década de 1960, quando um palhaço teria assassinado crianças nos Estados Unidos. Nos anos 1990, o jornal “Notícias Populares” publicou uma série de reportagens sobre Os Crimes que Abalaram o Mundo, entre as histórias estava a do palhaço americano. Em pouco tempo nascia mais uma lenda urbana brasileira: uma gangue de palhaços que atacava, em uma Kombi, crianças para vender seus órgãos. 

Elenco: Julia Lund, Igor Moraes, Luciano Bortoluzzi, Roberto Audio, Natália Moraes, Rael Barja, Agnes Zuliani, Vanessa Prieto, Rodrigo dos Santos, Fernando Eiras, Dudda Tavares, Stephanie Degreas e Luis Mármora. 

Direção: Felipe Adami 

 

Quadro do Menino que Chora – A história é sobre o quadro, pintado por Giovanni Bragoin, que seria amaldiçoado e estaria ligado a diversos acontecimentos macabros. Segundo a história, para conseguir fama e vender suas pinturas, o artista teria feito um pacto com o diabo: quem comprasse o quadro, sofreria destruição física e emocional. Preza a lenda que o quadro foi responsável por milhares de incêndios residenciais que ocorreram por todo o mundo.  

Elenco: Augusto Madeira, Helena Albergaria, Sergio Mastropasqua, Dante Gattai, Ana Kutner, Lianna Matheus, Jerusa Franco, Julio Silvério, Teka Romualdo, Marco Bravo, Fernanda Stefanski, Guilherme Rodio, Ivan Capúa, Chris Couto e Tales Jaloretto. 

Direção: Juliana Rojas 

 

Boneco Amigão – De acordo com a lenda assustadora, um pacto com o diabo teria levado um personagem de TV famoso nos anos 80 a produzir um brinquedo misterioso. Dizia-se que dentro dos bonecos do personagem havia uma faca negra, que seria usada para matar as crianças durante a noite. Muitas pessoas confirmaram a presença da faca no corpo do brinquedo, mas ela, na verdade, não passava de uma estrutura para prender a cabeça do boneco. 

Elenco: Natália Lage, Enzo Barone, André Bankoff, Magali Biff, Eduardo Gomes, Maria Fanchin e Henrique Hennie. 

Direção: Juliana Rojas 

 

O Homem do Saco – Usado pelos adultos como uma artimanha para amedrontar crianças indisciplinadas, o homem do saco se tornou um sucesso entre as famílias. A ideia é que o estranho sujeito levaria embora com ele as crianças que não se comportam e andassem sozinhas, sem seus responsáveis. Ainda segundo a história, as crianças capturas viravam sabão.  

Elenco: Cristina Lago, Annalara Prates, João Signorelli, Veridiana Toledo, Rosana Maris, Luciana Carnieli, Janaina Leite, Shirley Cruz e Fernanda Rocha. 

Direção: Fernando Coimbra 

 

Ficha Técnica: 

Direção Geral: Fernando Coimbra 

Direção: Fernando Coimbra, Juliana Rojas e Felipe Adami 

Produção Executiva: Marcos Araujo, Eduardo Venturi e Camila Groch 

Produção:    Glauco Urbim e Joana Araújo 

Criado por: Maristela Mattos e Thais Falcão 

Direção de Fotografia: Adrian Teijido (ABC), Alexandre Samori e Glauco Firpo 

Edição: Oswaldo Santana (AMC), Marcio Canella (AMC) e Estevan Santos (AMC) 

Direção de Arte: Rita Faustini 

Produção de Elenco: Alessandra Tosi 

Figurino: Marcia Nascimento 

Maquiagem: Gabriela Guimarães 

Pós-Produção: Sentimental Filme 

Pós-Produção de Som: 106db Sound Desing 

Pin It on Pinterest