William Waack conseguirá trabalhar no SBT sem liberdade de opinar?

William Waack está oficialmente fora da Globo após a polêmica envolvendo um vídeo onde ele profere termos racistas minutos antes de entrar ao vivo no “Jornal da Globo”, durante as eleições presidenciais dos Estados Unidos.

Sem emprego na TV e até aqui aberto a negociações, Waack pode ser a principal novidade do jornalismo do SBT em 2018. Silvio Santos demonstrou interesse no passe do jornalista, que marcou a história recente do “Jornal da Globo”, por comentários com fundamentos políticos, econômicos e principalmente, no que se refere aos principais acontecimentos do Brasil e do mundo.

Rachel Sheherazade, Carlos Nascimento e Joseval Peixoto viviam com esse tipo editorial embaixo do braço nas edições do “SBT Brasil” no início da década, até o SBT se ver na encruzilhada de continuar com os comentários dos seus jornalistas ou perder investimentos do governo federal. O que aconteceu? Hoje, nenhum jornalista tem o direito de opinar.

A repercussão, as especulações e até uma possível negociação são o que o mercado da TV precisa, mas cá entre nós, William Waack será capaz de ficar atrás de uma bancada apenas lendo um Teleprompter?

Pin It on Pinterest