“Fantástico” mostra caso de morte cerebral da mãe em que o bebê sobreviveu

Foto: Globo/Divulgação
Foto: Globo/Divulgação

O “Fantástico” do próximo domingo (4) conta a história impressionante de uma jovem que foi mantida viva durante 44 dias para dar à luz uma menina. Depois de sofrer um AVC, a moça de 17 anos foi levada para o hospital, onde foi constatada a morte cerebral. Mas o bebê que ela esperava estava bem. Depois de 44 dias, a menina nasceu prematura, mas não corre risco de morte, segundo os médicos. A equipe de reportagem do programa viaja até Colatina, no interior do Espírito Santo, para contar essa história com exclusividade, trazendo entrevista com a família e mostrando a rotina do bebê.

No segundo episódio da série da BBC “A Caçada”, o público conhece a vida da aranha pórtia. Predadora diferenciada, a aranha tem três superpoderes: é uma ótima saltadora, capaz de pular distâncias 50 vezes maiores que seu próprio comprimento, tem uma visão de dar inveja a qualquer bicho grande e ainda é devoradora de espécies maiores que ela própria.

O “Fantástico” também acompanha o Instituto Boto Vermelho e o Ibama numa missão de sobrevivência. Resgatar botos que ficaram presos em diferentes pontos do Rio Tocantins. No Pará, a repórter Jalilia Messias mostra que os animais encalharam em uma lagoa que se formou no rio Marião. Os técnicos usam uma rede de pesca para capturar os animais que estão muito debilitados e retiram o chumbo do corpo deles. No Tocantins, o repórter Cassiano Rolim acompanha o resgate de nove botos, três a mais do que os pesquisadores esperavam.

Neste domingo, dia 4, acontece a canonização da Madre Teresa de Calcutá, na Itália. Em Roma, o correspondente Pedro Vedova acompanha a cerimônia, enquanto Rodrigo Alvarez vai a Calcutá, onde Teresa fez sua trajetória de caridade, fundou uma irmandade e se tornou um símbolo universal de trabalho pelos pobres. A canonização da madre foi decidida depois de a Igreja Católica ter aprovado, por unanimidade, a “cura extraordinária” do brasileiro Marcilio Haddad Andrino, que em 2008 estava em coma. O “Fantástico” vai ao ar aos domingos, logo após o “Domingão do Faustão”.

X

Pin It on Pinterest

X