Record News deixará de ser emissora jornalística, mas vai manter o nome

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

A Record News deixará de vez o projeto inicial de uma emissora totalmente jornalística, como anunciado em seu começo e desfigurado pela Record nos últimos anos. As informações são do colunista Flávio Ricco, do UOL.

Segundo Ricco, a pretensão de concorrer com GloboNews e BandNews, declarada com pompa e circunstância em festividade que reuniu até Presidente da República, rapidamente se perdeu pelo caminho. Como produto fixo de grade, apenas o “Jornal da Record News”, com Heródoto Barbeiro.

Ainda de acordo com o colunista, o desenho da nova programação, com possibilidades de lançamento imediatamente após os Jogos Olímpicos Rio 2016, ainda não é anunciado e não existe ninguém autorizado a falar sobre ele.

No entanto, sabe-se que a proposta de agora é abrir o leque e transformar a Record News numa TV como outra qualquer, desimpedida para receber toda variedade de programas de uma emissora comum. Inclusive, ou muito especialmente, os religiosos da Igreja Universal, já espalhados pela programação do ex-canal de notícias.

X

Pin It on Pinterest

X