“Chiquititas” volta a ser exibido no SBT no dia 12 de setembro, às 21h15

(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

Sucesso de audiência, licenciamento e repercussão, a novela “Chiquititas”, adaptação da autora Iris Abravanel, com direção geral de Reynaldo Boury, volta a ser exibido pelo SBT para substituir o fenômeno “Carrossel” a partir de segunda-feira, dia 12 de setembro, na faixa horária das 21h15.

De acordo com a assessoria do canal, como tradicionalmente o SBT faz em suas tramas, “Carrossel” e “Chiquititas” serão exibidas como dobradinha durantes os capítulos finais de uma e os iniciais da outra.

Repleto de videoclipes e cenas musicais, “Chiquititas” tem Giovanna Grigio como protagonista mirim, no papel de Mili, e a atriz Manuela do Monte e o ator Guilherme Boury como protagonistas adultos, dando vida ao casal Carol e Júnior. A grande vilã da trama é vivida pela atriz Giovanna Gold, que interpreta a maldosa Carmen.

A novela bateu recordes e é considerada a segunda telenovela de maior tempo de duração ininterrupta na TV aberta brasileira, com mais de 545 capítulos. Dezenas de artistas e personalidades do esporte nacional também participaram da história ao gravarem participações especiais na trama, são eles: Eliana, Duda Bündchen, Carlos Alberto de Nóbrega, Marília Gabriela, Negra Li, Roberto Leal, Maisa Silva, MC Gui, Lívia Andrade, Oscar Schmidt, Fernanda Venturini, Thomas Roth, Carlos Miranda, Rita de Cássia e Ariel Goldenberg (dois últimos, atores do filme ‘Colegas’).

A autora Iris Abravanel e a trama foram indicadas para prêmios de “Melhor Telenovela” e “Melhor Autora” com esse trabalho, já os atores mirins da trama – Giovanna Grigio, Júlia Gomes, Gabriel Santana, Cintia Cruz e Rayssa Chaddad – receberam várias indicações de premiações na categoria “Revelação”. E mais, Reynaldo Boury, diretor-geral da novela, completou 60 anos de carreira na televisão em 2014, à frente de “Chiquititas”.

Sinopse:

A novela gira em torno do Orfanato Raio de Luz, que carrega em sua história um grande segredo envolvendo a família do empresário e dono do orfanato, Dr. José Ricardo Almeida Campos (Roberto Frota). Há 13 anos, sua filha, Gabriela (Naiumi Goldini), se apaixonou e engravidou de Miguel (Daniel Andrade), filho de Valentina (Sandra Pêra), empregada doméstica da mansão dos Almeida Campos. Esse acontecimento gerou um grande conflito que mudou a vida de todos.

Sabe-se apenas que o segredo deste conflito motivou o empresário a comprar um casarão para abrir um orfanato, batizado como Raio de Luz. Milena, apelidada como Mili (Giovanna Grigio), é a primeira moradora do orfanato, que tem Ernestina (Carla Fioroni) como zeladora, Chico (João Acaiabe) como cozinheiro eSofia (Liza Vieira), ex-governanta da casa de José Ricardo, como diretora. Depois de Mili, as chiquititas Cris(Cinthia Cruz), Vivi (Lívia Inhudes), Ana (Giulia Garcia), Bia (Raissa Chaddad) e Tati (Gabriella Saraivah) também chegam ao orfanato e juntas se unem para encantar todos com muita alegria, confusões e travessuras.

Porém, tudo começa a mudar quando o filho de José Ricardo, Junior (Guilherme Boury), chega ao Brasil. Ele culpa o pai pela morte da mãe e fica em choque ao saber que sua irmã, Gabriela, está em estado de choque em um mundo impenetrável e paralelo à realidade há anos. Junior decide trabalhar na empresa da família, a rede de lojas Café Boutique, onde conhece a doce e corajosa Carolina (Manuela do Monte), estudante de psicologia e funcionária da loja.

Carol conhece por acaso quatro crianças moradoras de rua, são elas: Pata (Julia Olliver), Mosca (Gabriel Santana), Rafa (Filipe Cavalcante) e Binho (Gui Vieira). A estudante se preocupa com elas e pensa em uma solução para ajudá-las. A partir destes momentos a história de Carol e das Chiquititas se cruzam para o desenrolar de emoções repletas de mistérios, músicas, sonhos, alegrias e muitas surpresas.

X

Pin It on Pinterest

X